É preciso estarmos atentas ao que comunicamos através da nossa linguagem não verbal!

Ao longo dos atendimentos, palestras e cursos que eu dou durante esses quase 5 anos trabalhando com Estilo e Imagem, percebo que existem as mulheres que amam a moda e, as que não tem a menor paciência com o assunto.

Fonte: Pinterest

Talvez isso ocorra por existir uma dúvida ou até mesmo uma pequena confusão entre "ter estilo" e "andar na moda".

Nenhum excesso é bom! Nesse assunto também é necessário que haja um equilibrio. Ser refém da moda e usar tudo que aparece por aí, é totalmente inviável, de igual modo, é ruim ficar alheia ao que está acontecendo ao nosso redor.

Fonte: Pinterest

Eu sempre defendo a ideia de que se vestir bem é um exercício aliado às necessidades de cada uma de nós, e através de uma prática constante é que ganhamos confiança, e um conhecimento mais apurado a respeito de nós mesmas e do nosso estilo pessoal.

Fonte: Pinterest

A moda, pode e deve ser vista como uma ferramenta aliada à nós, para evidenciar o que queremos, e disfarçar o que não queremos mostrar. Por isso quando somos seguras a respeito do que gostamos e do que nos representa melhor, podemos usar as tendências atuais para nos beneficiar, ou seja, podemos construir looks com peças modernas, que revelem a nossa força, delicadeza, feminilidade, aproximação, distância e tudo aquilo que nos importa comunicar.

E essa segurança é que nos faz ter a certeza do que comprar e do que não comprar.

Fonte: Pinterest

O problema é se tornar uma vítima da moda a ponto de perder a própria personalidade e essência.

Fonte: Pinterest

É bom saber o que é tendência para não se tornar uma pessoa alheia às mudanças e correr o risco de passar uma imagem datada de quem parou no tempo (isso não tem nada a ver com o Estilo vintage).

Fonte: Pinterest

É sempre bom se mostrar atualizada e antenada com o que acontece na moda, na política, na ciência e pelo mundo afora, isso também demonstra segurança e Estilo apurado.

Pensando nisso, escrevi esse Post com o objetivo de contribuir para que você tenha uma ideia das tendências para as próximas estações.

Fonte: Pinterest

Antes de tomar qualquer decisão, pense se o impulso por novas compras é por uma avaliação correta do seu armário ou se é fruto de uma interferência externa, seja de amigas, vitrines, tv, mídias socias, revistas, etc.

Fonte: Pinterest

Aqui vai uma dica: antes de ceder à tentação de adquirir novas peças, cheque o que tem no seu armário pois talvez não haverá necessidade de novas atualizações caso ele esteja abastecido corretamente.

Fonte: Pinterest

Os modelos e cores se repetem entre as coleções e por isso pode ser que as últimas aquisições que você tenha feito ainda estejam super atuais.

Outra coisa, se você tem o hábito de comprar peças de boa qualidade e atemporais, é bem provável que encontrará no seu armário aquelas com as caracteristicas que listarei a seguir e assim não haverá necessidade de comprar outras para compor os seus looks.

Fonte: Pinterest

A primeira dica, é que o bege é um neutro que está super em alta.

Essa cor além de trazer uma sensação de suavidade, também nos traz uma sensação de estar bem natural, e também de um estilo mais rústico e ao mesmo tempo sofisticado.

Ela vai bem sozinha ou combinada com preto, branco, vermelho e as demais cores vibrantes.

Fonte: Pinterest

As saias midi vieram pra ficar!

Também continuam em alta o tricô, crochê e o macramê.

Fonte: Pinterest

Os calçados que caíram no gosto das mulheres são os confortáveis.

Veja esse link http://voilaestilo.com.br/os-melhores-sapatos-sao-os-confortaveis/

E por último, as cinturas estarão evidenciadas e de preferência no lugar.

Nada de cós muito baixo ou muito alto, a única exceção será para o modelo clochard.

Fonte: Pinterest

Aproveite as dicas para estar sempre cheia de estilo&vida e compartilhe esse material com suas amigas!

Caso queira saber detalhes sobre isso e muito mais, fale comigo!

Um beijo e Voilà!

Deixe uma resposta para Selma Cancelar resposta